Maria Ivone Vairinho e Poetas Amigos

Agosto 30 2009

 

 

Adriano Augusto da Costa Filho

 

 

O Vento que passa, passou e passará,

Num momento a tudo ultrapassará.

Qual Vento que num instante passa

Que noticia ao coração nos dará ? !

 

No tênue clarão da noite escura,

O Vento passa como tremula figura.

Lá fora o Vento seu som semeia

E lá dentro o nosso coração passeia !

 

Mesmo nas mais tristes noites,

O som do Vento é igual a açoites.

Sempre nos traz noticia triste

E nosso coração jamais resiste !


O Vento que passa nada nos diz,

Porque sonhos o coração sempre quis.

Se o Vento ao passar se calasse

Por certo o coração canções pedisse !

 

O Vento que passa, passou e passará,

Com certeza outro dia ele voltará.

E a Lua escondida na noite escura

Espia atrás de uma nuvem e sua abertura !

 

O Vento ri da própria desgraça,

Como nós rimos quando há chalaça.

Seu dilema é passar sempre correndo

Como na vida corremos sempre pensando !

 

Quando por entre nuvens acinzentadas,

O Vento passa em fortes rajadas.

Nada mais são como fortes manadas

De touros correndo em loucas touradas !


O Vento que passa sempre irá nos dar ,

A impressão que logo irá parar.

Mas seu regresso a qualquer instante

O seu temor é marcado em nosso semblante !


A nossa vida de lágrimas é banhada,

Mas, ela por Deus foi criada.

E por ordem Divina nunca cessará

Como o Vento que passa, passou e passará !!!

 

 

Casa do Poeta de São Paulo

Movimento Poético Nacional

Academia Virtual Sala dos Poetas e Escritores

Academia Virtual Poética do Brasil

Academia Poços-Caldense de Letras- M.G.

Ordem Nacional dos Escritores do Brasil

Associação Portuguesa de Poetas/Lisboa/Portugal

publicado por appoetas às 03:30

Agosto 30 2009

Adriano Augusto da Costa Filho


  Pelos caminhos da vida,eu andei,

  E muita ilusão, eu encontrei.

  Na passagem da “Ponte da Ilusão”

  Os passos nela marcaram meu coração !


  Corri o mundo dos mundos sem fim,

  E só ilusão veio para mim.

  Nas altas serras do bem

  Recebi muitos pendores também !


  Na infância o caminho maternal,

  E na juventude emoção fenomenal.

  Já na terceira idade adulta

  Cheguei lá com fervor e muita luta !


  No entardecer da existência,

  Sinto uma grande ânsia.

  A humanidade longe da poesia

  Só tristeza tem no seu dia-a-dia !


  Sou feliz porque poeta eu sou,

  E pelo mundo poetar eu vou.

  Com a poesia encontrei o meu amor

  Porque aos poetas dei o seu valor !


  Correrei mundos e mundos sem fim.

  E escolherei o melhor para mim.

  Mas,só na poesia eu sou feliz

  É o que o meu coração sempre diz !!!

 

publicado por appoetas às 03:26

Agosto 30 2009

Adriano Augusto da Costa Filho


Eu já vivo a milhões de anos,

todos eles muito soberanos.

Eu sou um pedaço da eternidade.

Pela transmissão à posteridade !


Meus versos muito solitários,

gravados em belos relicários.

Ficarão marcados na evocação

do tempo que durar meu coração !


Sempre faço as estrofes uma a uma,

sem querer deixar marca alguma.

Na filosofia das antigas gerações,

que enfeitaram imensos corações !

 

Todos nós pertencemos à eternidade,

e os poetas são os reis da humildade.

Fazemos as poesias com distinções

para ornamentarmos os corações !


Milhões de anos eu sei que já vivi,

e deles pendores sempre eu senti.

Na transmissão eterna dos corpos

surgirão outros poetas esbeltos

publicado por appoetas às 03:20

Este blogue está aberto aos co-autores e Poetas Amigos de Maria Ivone Vairinho
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
19
20
21
22

25
26
27
28
29

31


links
pesquisar
 
Tags

11 poemas inéditos de carlos cardoso luí(1)

25 anos app(11)

ada tavares(18)

adriano augusto da costa filho(39)

albertino galvão(11)

albina dias(18)

alfredo martins guedes(2)

ana luísa jesus(4)

ana patacho(3)

anete ferreira(3)

antónio boavida pinheiro(22)

app(5)

armindo fernandes cardoso(3)

bento tiago laneiro(5)

carlos cardoso luís(13)

carlos moreira da silva(2)

carmo vasconcelos(22)

catarina malanho semedo(2)

cecília rodrigues(48)

cláudia borges(8)

dia da mãe(8)

dia da mulher(9)

dia do pai(6)

donzília martins(8)

edite gil(68)

elisa claro vicêncio(4)

euclides cavaco(100)

feliciana maria reis(4)

fernando ramos(20)

fernando reis costa(3)

filipe papança(11)

frances de azevedo(2)

gabriel gonçalves(14)

glória marreiros(20)

graça patrão(6)

helena paz(15)

isabel gouveia(3)

jenny lopes(11)

joão baptista coelho(1)

joão coelho dos santos(7)

joao francisco da silva(4)

joaquim carvalho(3)

joaquim evónio(9)

joaquim sustelo(70)

judite da conceição higino(4)

landa machado(1)

liliana josué(45)

lina céu(5)

luis da mota filipe(7)

manuel carreira rocha(4)

margarida silva(2)

maria amélia carvalho e almeida(6)

maria clotilde moreira(3)

maria emília azevedo(5)

maria emília venda(6)

maria fatima mendonça(2)

maria francília pinheiro(3)

maria ivone vairinho(14)

maria jacinta pereira(3)

maria joão brito de sousa(69)

maria josé fraqueza(5)

maria lourdes rosa alves(4)

maria luisa afonso(4)

maria vitória afonso(8)

mário matta e silva(20)

mavilde lobo costa(22)

milu alves(6)

natal(16)

odete nazário(1)

paulo brito e abreu(6)

pinhal dias(9)

rui pais(8)

santos zoio(2)

sao tome(10)

susana custódio(15)

tito olívio(17)

vanda paz(23)

virginia branco(13)

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO